19 de set de 2012

Eu AMO o ARTESANATO!


Quando eu comecei a artesanar, eu era criança... Quando a paixão pelo artesanato se materializou, eu não parei mais com as minhas mãos... Quando eu conheci a Internet e ela me deu "amigos" artesãos, fiquei encantada com a perspectiva de compartilhar com outras pessoas as minhas paixões...

Foi aí que eu descobri que o artesanato é um mundo cão... E que as palavras que meu primeiro "chefe" me dizia são verdadeiras: duas mulheres juntas são um motim... Na maioria das vezes, uma contra outra...

Quando eu comecei a trabalhar com blogs, fiquei  ASSUSTADA com o meio artesanal... Você passa a conhecer mais pessoas que trabalham com o ramo e aí fica entre a "cruz" e a "caldeirinha"... Fulana cliente A não gosta de fulana cliente "B", então não pode ter link de uma outra ou fazer referência a esse ou aquele trabalho... Mulher junta num mesmo balaio, motim na certa!!!

Muitas das artesãs de renome hoje em dia já foram minhas clientes e eu tive o privilégio de vê-las crescer e fazer parte desse crescimento, nem que seja só por um blog, que depois foi substituído por um site, uma loja virtual, um sistema mais profissional... MUITAS delas MESMO!

Não trabalho mais com os blogs, mas continuo meu artesanato. Pinto, bordo, costuro. Vendo o que produzo, aceito encomendas. Tenho sim o sonho de fazer o meu artesanato virar fonte de renda, negócio, empresa. E qual artesã não tem? Por isso mesmo criei uma marca, comecei a desenvolver uma linha de produtos, estamos nos "profissionalizando" e, movidas por esse desejo, eu e minha mãe, visitamos inúmeros blogs, para ter ideias, conceitos e conselhos de todas as espécies. Esse é um mercado amplo e minhas clientes já me provaram que existe espaço pra todo mundo.
Esse mundo artesanal que existe nos blogs de produtos e decoração é um mundo mágico e neles encontramos de tudo um pouco. Empresárias bem sucedidas, mulheres batalhadoras, que complementam sua renda com a arte, pessoas que já passaram por muitas coisas em suas vidas...

Tem algumas histórias que mexem com a gente e eu me afeiçoo a essas guerreiras artesãs. Sou quietinha nesse momento (raro, né?), não comento, não me mostro. Fico observando, acompanhando, torcendo.
Hoje eu vi uma coisa que me deixou infinitamente triste.
Uma "menina" guerreira, que transformou sua vida em uma história de sucesso, construída a cada dia com a ajuda dos amigos de bom coração e com sua gana de aprender e vencer, tinha um sonho. Impulsionada pelas amigas, seguiu adiante, com fé e força, acreditando na possibilidade de torná-lo realidade. De repente, esse sonho foi "usurpado" da menina, arrancado de seu coração, por tecnicalidades que até então não existiam... Certo? Errado? Ético? Profissional? Não vem ao caso...
O que me deixou infinitamente triste é que todas as pessoas envolvidas no processo deveriam ter um objetivo em comum, o AMOR à costura, ao ARTESANATO! E onde ele foi colocado??? Sob todos os tapetes da falta de educação, de profissionalismo, de ética, de entendimento humano, de gentileza.

Fico mesmo muito arrasada... A começar pelo objetivo desse concurso, que pra mim foi incrivelmente articulado... Uma artesã de sucesso, empresária conhecida em outros países, e duas grandes marcas de produtos, renomadas no mercado do artesanato em tecido e da confecção, se aliam e juntas promovem uma propaganda mútua, premiando artesãs com o produto de cada uma. Quer maior propaganda? Agora, depois do ocorrido, imagina-las envolvidas nesse tipo de coisa é lamentável. A exposição da artesã por si só, uma vez que o "objeto" do concurso tem sua marca em destaque seria extremamente positiva, marketing viral e gratuito percorrendo insanamente as redes sociais, se não estivesse agora "maculada".
Uma faca de dois gumes, uma atitude certamente não avaliada..
A mudança de regras no meio de uma brincadeira de criança nunca foi tolerada. Se você é o dono da bola, sempre puxa a sardinha pro seu lado no caso de estar perdendo, correto??? Mas aí, quem é que quer brincar com você de novo???
A mudança de regras no meio de um concurso é, talvez, antiética, incorreta e desleal e porque não dizer, ilegal. Por isso mesmo, concursos são auditados, avaliados e tem um catatau de regras escritas em letras ínfimas, mas que contemplam toda e qualquer possibilidade de "situações desleais", para que todos possam estar em pé de igualdade. Não conheço as regras em si, não conheço a lei que rege os concursos, só acho que não deve ser assim, concordam?
As artesãs prejudicadas pela mudança tinham o sonho de ganhar um prêmio extremamente interessante. Não é todo dia que você pode destinar parte de seu R$ pra realizar seu sonho de ter o equipamento de trabalho novinho e material de qualidade para trabalhar. Ganhar esses prêmios? Perfeito! Participar de um concurso fazendo o que AMO, melhor ainda! Só precisar da ajuda dos amigos para ter maiores chances de ganhar? Parece sonho! Então... Infelizmente, estava na hora de acordar!!!!

Venho desabafar, sem advogar em causa de ninguém. Somente porque eu amo o artesanato!

Beijocas mil!

14 de set de 2012

Você não joga no Facebook e quer se livrar dos convites de jogos??? Leia aqui...


Engraçadas as coisas que eu vejo no Facebook.

Ele é uma rede social com inúmeros recursos. Você pode publicar fotos, vídeos, usar aplicativos para divulgação e venda de produtos, e você pode jogar... São inúmeros os jogos e são inúmeras as pessoas que gostam de jogar...

Eu sou uma dessas pessoas. No meu tempo livre, jogo mesmo...
Jogo com minha mãe, com minhas irmãs que estão longe de mim e isso faz com que a gente se divirta.

Se você não quer receber os meus convites para jogos porque você não gosta de jogar, ou porque não gosta daquele jogo em questão, é muito simples...
Da mesma maneira que o Facebook nos permite convidar os amigos para jogar, ele também permite que quem não quer receber esses convites, os bloqueie totalmente...
É simples, fácil e rápido, mas ninguém olha lá na AJUDA pra ver como faz..
E sabe o que é ainda mais engraçado? Tá todo mundo "cansado" de ser convidado pros jogos e não querer, mas alguém aí se pergunta o quanto é um saco pra quem joga ver as pessoas publicando "Essa pessoa aqui ao lado NÃO quer receber convite para FARMVILLE, CITYVILLE ou PIIIIIIIVILLE"???


Pra que eu não fique de saco cheio vendo as pessoas que colocam essas fotinhos, muitas vezes de caráter ou gosto duvidoso, resolvi explicar como faz pra que você NÃO precise mais ver os meus convites de jogo...

A página do Facebook aí embaixo é minha...
O que você precisa fazer é clicar em Notificações, ou seja, o Globo Terrestre que tem no cabeçalho azul.
Ali vão aparecer as últimas notificações que você recebeu, inclusive os convites para os tão indesejados joguinhos.


Se você passar o mouse pelo canto direito de cada uma das notificações, vai perceber que aparece um "x".

Esse "x" é exatamente a opção que você tem de desativar qualquer notificação que você não queira mais ver ou tomar conhecimento.
Se você clicar no "x" aparecerá a opção abaixo:


É só clicar em DESATIVAR e todo e qualquer convite relacionado aquele jogo será automaticamente desabilitado e você não receberá mais qualquer notificação do mesmo.

Não é ótimo, fácil e rápido??? Assim quem joga pode jogar à vontade e, quem não joga, passa a não receber mais os convites para os jogos.

É claro que, a cada novo jogo lançado no Facebook, você está correndo o risco de receber uma avalanche de convites. Ainda mais se o jogo for legal e cair no gosto popular... Então, é só fazer o mesmo procedimento acima e ser feliz!!!

Beijocas mil!






Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...